Câmara Municipal de Porto Alegre Câmara Municipal de Porto Alegre
Câmara Municipal de Porto Alegre
Camarapoa / Imprensa / Notícias
16/09/2009
Foto: Elson Sempé Pedroso
Fernanda Melchionna
Foto: Elson Sempé Pedroso
Haroldo de Souza

Plenário

Lideranças

Na tarde desta quarta-feira (16/9), os vereadores da Capital manifestaram-se na Tribuna da Câmara, durante Sessão Ordinária, sobre os seguintes assuntos:

SAÚDE – Carlos Todeschini (PT) informou que a Cosmam realizou na terça-feira (15/9) reunião sobre plano de carreira para os médicos do Município, e lamentou a ausência do secretário da saúde Eliseu Santos. “Estamos indo para uma situação de estrangulamento. São sete carreiras diferentes na esfera de Porto Alegre. Os médicos estão saindo do quadro por questões financeiras”, criticou. Todeschini afirmou que na reunião da Mesa Diretora da Casa, hoje, com a presença de Eliseu, foi porta-voz das reivindicações da categoria. “De cada três médicos dois deixam os cargos pelo baixo salário”, criticou. (LO)

VESTIMENTAS I – Fernanda Melchionna (PSOL) abordou o projeto do vereador Nelcir Tessaro (PTB) sobre vestimentas das vereadora em plenário. Disse que este tema é um “debate dos desocupados que não usam seus mandatos para resolver problemas sociais”. Fernanda argumentou que – ao colocar uma gravata – “se a solução para resolver o problema dos camelôs, dos 300 desabrigados pelas chuvas nas ilhas usarei gravata todos os dias”, disse. A vereadora destacou que o projeto tira a aproximação do parlamento com o povo pelas vestimentas. “Para fazer política tem que usar o traje daqueles que estão indiciados por formação de quadrilha no Estado?”, indagou. (LO)
 
SAÚDE II – João Dib (PP) mencionou Carlos Todeschini (PT), quanto às criticas sobre os salários dos médicos. “Ficou claro na explicação do secretário da Saúde que no momento não é possível ampliar o salário. A Lei Orgânica veda reajustar apenas uma categoria em detrimento de outras”, explicou. Dib argumentou ser este um problema que pode ser revisto, mas que não se pode criticar o prefeito por cumprir a lei. Entretanto, ressaltou que algo pode ser feito. “O próprio Simers sugeriu a mudança na questão do horário dos médicos, e também pode ser dada gratificação de difícil acesso, como no caso dos professores”, sugeriu. (LO) 
 
SAÚDE III – Haroldo de Souza (PMDB) disse que o porta voz na reunião com o secretário Eliseu Santos foi o vereador Dr. Thiago Duarte (PDT) e não Carlos Todeschini (PT). Haroldo criticou o petista por chamar o líder do governo de histérico. “Defendo que um médico ganhe R$ 7 mil ou até mesmo mais do que outras categorias por ser uma função fundamental”, avaliou. O vereador criticou, ainda, o Governo Lula por emprestar dinheiro ao FMI e não investir em salário de médicos. Quanto a questão das vestimentas das vereadoras, concordou com Fernanda que a Câmara não tem que se ater a este tipo de temas, mas afirmou que “não tenho a obrigação de ver o umbigo da vereadora de fora”, criticou. (LO)

TRAJES - Nelcir Tessaro (PTB) esclareceu que, com sua emenda, não definiu as vestimentas obrigatórias para as vereadoras. Lembrou que a determinação está expressa no Regimento Interno da Câmara, que todos os vereadores juraram cumprir ao assumirem suas cadeiras. "Eu apenas especifiquei o que seria um traje passeio", frisou. Conforme Tessaro, causa estranheza as críticas a sua proposta feitas pelas vereadoras Sofia Cavedon e Maria Celeste, ambas do PT. De acordo com Tessaro, quando Celeste foi presidente da Câmara, em 2007, baixou a Ordem de Serviço nº 1, pela qual não seria permitido aos estagiários vestirem trajes considerados "sumários" no ambiente de trabalho. "Qual é a diferença dos estagiários?", indagou. (CB)

SENAC – Toni Proença (PPS) falando em nome da bancada de seu partido agradeceu e elogiou a parceria do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) com a associação de moradores do Bairro Rubem Berta que proporcionou a formação de garçons  a um grupo de jovens da comunidade. Conforme Toni essa é uma das melhores maneiras de retirar os jovens das ruas. “A capacitação desses jovens é o futuro de muitos em um emprego garantido”, argumentou. Toni também lembrou que a vinda do secretário Municipal da Saúde Eliseu Santos na Câmara estabeleceu uma parceria para a solução dos problemas da saúde do município. (RT)

GRÊMIO – Tarciso Flecha  Negra (PDT) parabenizou os 106 anos do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense e disse se sentir orgulhoso de ter nascido no dia da fundação do clube. O vereador lembrou também que os 13 anos que esteve dentro do clube foram muito gratificantes. Com relação aos problemas das roupas utilizadas em plenário pelos vereadores, Tarciso acha que existem problemas mais importantes a serem discutidos. Citou como exemplo a dificuldades que os atletas cadeirantes encontram nos acessos se exercitarem. “A maior dificuldade é a falta de vontade política”, disse. Esse segundo ele é um dos muitos problemas que devemos no preocupar. (RT)

VESTIMENTAS II – Sofia Cavedon (PT) entende que a postura de alguns vereadores com relação a vestimenta usada em plenário está equivocada. Para ela a censura das roupas é uma posição machista. Sofia lembrou que o parlamento deve ser acostumar e aprender a conviver com mulheres e que a forma delas se posicionarem devem ser respeitadas perante todos. “A posse para ingressar na vereança não são as roupas e sim os votos nas urnas”, argumentou. (RT)

VESTIMENTAS III – Para Luiz Braz (PSDB) o plenário é a representação da sociedade Porto Alegrense. De acordo com ele, se alguns estão descontentes com o Regimento da Câmara, que indica traje completo de passeio , basta modificá-lo, afirmou. O que não podemos, disse, nos que elaboramos leis descumpri-las. “Se no regimento existe uma regra o certo e fazer cumpri-la”, afirmou. (RT)

Regina Tubino Pereira (reg. prof. 5607)
Leonardo Oliveira (reg. prof. 12.552)
Claudete Barcellos (reg. prof. 6481)



                    

Banco de imagensAcesse aqui o Banco de Imagens, com as fotos no dia
RadiowebAcesse aqui a Radioweb, com os boletins do dia

Página 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | ... || Próxima


contatos
Av. Loureiro da Silva, 255 - PoA - RS
CEP: 90013-901
 (51) 3220.4100
 E-mail











  Câmara Municipal de Porto Alegre.                                          desenvolvimento: Assessoria de Informática-CMPA e PROCEMPA