Câmara Municipal de Porto Alegre Câmara Municipal de Porto Alegre
Câmara Municipal de Porto Alegre
Camarapoa / Imprensa / Notícias
18/08/2011
Foto: Tonico Alvares
Vereadores da Comissão da Copa visitaram hoje obras da Arena
Foto: Tonico Alvares
Caminhões têm pneus lavados antes de rodarem pela cidade

Comissões

OAS confirma previsão de término da Arena do Grêmio

O diretor de Projeto da Construtora OAS, Eduardo de Souza Pinto, confirmou para dezembro de 2012 a previsão de término da Arena do Grêmio, durante visita realizada às obras nesta quinta-feira (18/8) pela Comissão Especial de Acompanhamento e Apoio à Copa do Mundo de Futebol de 2014 em Porto Alegre, do Legislativo da Capital. O objetivo foi conhecer o andamento da construção do novo estádio do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense, no bairro Humaitá, que terá 60 mil lugares e uma área construída de 303.193m2.

Recebidos por Eduardo Pinto e pelo vice-presidente do Grêmio e presidente do Grêmio Empreendimentos, Eduardo Kenzi Antonini, os vereadores percorreram parte da estrutura do futuro estádio por uma das rampas de acesso às arquibancadas. Depois ainda assistiram ao vídeo Projeto Imobiliário Porto Alegre – A alma do Rio Grande do Sul e a força da OAS, no qual a construtora apresenta passo a passo a obra da Arena e maquetes virtuais do complexo no qual ela se insere, que incluirá shopping, estacionamentos, hotel, centro de eventos e duas torres de escritórios e apartamentos.

Conforme Eduardo Pinto, a estrutura vizinha à Arena terá tudo para se transformar em um pólo de fomento de negócios, mas deverá levar de oito a 10 anos para ficar pronta. Serão quatro fases de lançamentos dos empreendimentos - o da parte habitacional previsto para outubro. “A ideia é aprontar essa parte para a Copa”, disse. Sobre o Estádio Olímpico, o diretor informou que o espaço será desativado somente depois de o Grêmio transferir-se para a Arena. O antigo estádio será demolido para dar lugar a edifícios de alto padrão. Quanto à Arena, disse que a construtora tem trabalhado em três turnos para garantir a entrega da obra no tempo previsto.

O vice-presidente do Grêmio lembrou que a Arena será o primeiro estádio ambientalmente sustentável do Brasil. Entre as preocupações, está o aproveitamento da água da chuva. Eduardo Antonini também destacou o cuidado com a cidade durante a construção. Os caminhões que circulam pelo canteiro de obras, por exemplo, têm, obrigatoriamente, os pneus lavados para não levarem lama para as ruas. Antonini ainda agradeceu o apoio dado ao Grêmio pela Câmara e pela prefeitura. “Sem esse apoio, esses projetos não aconteceriam”, afirmou.

Vereadores

O presidente da comissão especial da Copa, vereador Airto Ferronato (PSB), disse que a visita deu-se pelo fato de a cidade toda estar envolvida nas grandes obras que vêm sendo realizadas, entre elas a Arena. Na sua opinião, com a execução de todos os projetos, haverá um salto para Porto Alegre.

Para o relator da comissão, vereador Reginaldo Pujol (DEM), a Copa possibilitou a realização de diversas melhorias para a Capital, já que foi facilitada pelo governo federal a liberação de recursos. “Vamos criar uma nova cidade com esse projeto”, disse, lembrando a estagnação da área onde está sendo erguido o novo estádio do Grêmio. “Hoje já se percebem as modificações.” 

Além de Ferronato e Pujol, participaram da visita os vereadores Tarciso Flecha Negra (PDT), Nelcir Tessaro (PTB), Carlos Todeschini (PT) e Dr. Raul Torelly (PMDB).

Claudete Barcellos (reg. prof. 6481)



                    

Banco de imagensAcesse aqui o Banco de Imagens, com as fotos no dia
RadiowebAcesse aqui a Radioweb, com os boletins do dia

Página 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | ... || Próxima


contatos
Av. Loureiro da Silva, 255 - PoA - RS
CEP: 90013-901
 (51) 3220.4100
 E-mail











  Câmara Municipal de Porto Alegre.                                          desenvolvimento: Assessoria de Informática-CMPA e PROCEMPA